segunda-feira, 31 de dezembro de 2007

Damos vivas a 2008

Sing along


Esse ano

Eu quero paz no seu coração

Se quiser ser meu amigo

Que me dê a mão


O tempo passa

E com ele caminhamos todos juntos

Sem parar

Nossos passos pelo chão

Vão ficar

Marcas do que se foi

Sonhos que vamos ter

Como todo dia nasce

Novo em cada amanhecer


Ê ê


Marcas do que se foi

Sonhos que vamos ter

Como todo dia nasce

Novo em cada amanhecer


By: Sulivan and Massala

sábado, 29 de dezembro de 2007

Hairspray

Em Baltimore, nos Estados Unidos, anos 60, quando os cabelos e as danças extravagantes eram a sensação do momento, a gordinha Tracy Turnblad, uma rapariga com um cabelo grande e um coração ainda maior, tem apenas uma paixão: dançar.
Mas é constantemente lembrada pela sua extremamente protetora e enorme mãe, Edna (John Travolta), de que a sua enorme figura está fora dos padrões normalmente escolhidos para se ser uma dançarina.
Aqui entra a Tracy Turnblad, a estreante Nikki Blonsky, uma rapariga que irradia felicidade, cheia de energia e com o espírito de que pode mudar o mundo, que juntamente com a sua melhor amiga Penny (Amanda Bynes) começa a confraternizar com os seus colegas de raça negra e chega mesmo a namorar com Seaweed (Elijah Kelley), para desespero da sua mãe.

Sim, é um musical tipo "sessão da tarde", tri água-com-açúcar e tals... o ponto é: novamente uma pessoa fora do padrão estético atual aparece de forma natural mostrando que pessoas vem em "embalagens personalizadas" e não há somente corpos de modelos na vida real.

Amei a atuação da Nikki Blonsky - que felizmente não teve que emagrecer para pegar esse papel - mas agora alguém me explica qual é o ponto de usarem o John Travolta travestido? Por acaso tá faltando papéis masculinos para ele?
Homens travestidos em filmes com temática homossexual eu entendo, mas Norbit, Vovózona e afins (além de piadas de péssimo gosto) poderiam usar atrizes!

sexta-feira, 28 de dezembro de 2007

Pronomes em inglês


Vocês estão afiados no uso de pronomes? Então vamos verter essas frases:

*Os olhos dele são verde claro.
*As irmãs delas não são elas.
*Nossas aulas são boas, mas as deles são ótimas.
*Minha mãe têm quatro filhos, a irmã dela, sete e eu nenhum.
*Aonde está o pai da tua tia?

Don't forget adjectives don't vary in number nor in gender!

terça-feira, 25 de dezembro de 2007

Phat Girlz - Garotas Formosas





PHAT = Pretty, Hot and Thick

Esse filme é basicamente sobre como viver a vida em sua plenitude. Em Phat Girlz - Garotas Formosas, Jazmin Biltmore (Mo'Nique) é a impertinente designer de moda tamanho GG
, que está cansada de ouvir 'não' como resposta. Jazmin tem grandes planos para garotas grandes: ela desenhou uma linha sensual de roupas para mulheres volumosas como ela mesma. Mas quando Jaz não consegue financiamento para levar avante seus planos nem encontrar um homem que aprecie suas qualidades físicas, sua paciência começa a desaparecer. Isto é, até ela ganhar uma viagem com todas as despesas pagas em um maravilhoso resort em Palm Springs, onde ela espera conhecer o homem de seus sonhos. Ela prova que GG é lindo!
Garotas Formosas é uma comédia que quebra os padrões de beleza só de colocar no papel central uma mulher gorda muito simpática que tem o sonho de se tornar estilista e ter uma grife para mulheres grandes!
Em um mundo cercado pelas aparências e pelas medidas minúsculas, essa garota sente o quanto vai ser dificil tornar seu sonho em realidade, mas não se rende aos obstáculos e va à luta para conquistá-lo - claro, não sem antes se sentir frustrada e quase se matar pra conseguir ter um "corpo de revista"!
Um filminho bem sessão da tarde, levezinho, pra relaxar e dar algumas risadas, mas também com uma puxada de orelha na mulherada que só sabe viver de dieta, se encher de remédios e fórmulas milagrosas para emagrecer, com o intuito de conseguirem sucesso e amor, mas se esquecem que o principal é se aceitar como são e serem felizes incondicionalmente!

Borboleta pequenina


Borboleta pequenina que vem para nos saudar
Venha ver cantar o hino que hoje é noite de natal
Eu sou uma borboleta pequenina e feiticeira ando no meio das flores procurando quem me queira
Borboleta pequenina saia fora do rosal
Venha ver quanta alegria que hoje é noite de natal
Borboleta pequenina venha para o meu cordão
Venha ver cantar o hino que hoje é noite de natal
Eu sou uma borboleta pequenina e feiticeira ando no meio das flores procurando quem me queira
Borboleta pequenina sai fora do rosal venha ver quanta alegria que hoje é noite de natal

A very merry Christmas











domingo, 23 de dezembro de 2007

My sunshine day (boy)




MY GIRL

Escrita por Smokey Robinson e Ronald White.
Interpretada por The Temptations.

I've got sunshine on a cloudy day.
When it's cold outside I've got the month of May.
I guess you'd say
What can make me feel this way?
My girl (my girl, my girl)
Talkin' 'bout my girl (my girl).

I've got so much honey the bees envy me.
I've got a sweeter song than the birds in the trees.
I guess you'd say
What can make me feel this way?
My girl (my girl, my girl)
Talkin' 'bout my girl (my girl).

Hey hey hey
Hey hey hey
Ooooh.

I don't need no money, fortune, or fame.
I've got all the riches baby one man can claim.
I guess you'd say
What can make me feel this way?
My girl (my girl, my girl)
Talkin' 'bout my girl (my girl).

I've got sunshine on a cloudy day
with my girl.
I've even got the month of May
with my girl (fade)

E se a pessoa que for teu "sunshine" não te considerar o "sunshine" dela?

Já pensou que há outras pessoas fantásticas por aí que te consideram um baita "sunshine"!?

Mas a pergunta crucial é: você se considera um "sunshine"!?

sábado, 22 de dezembro de 2007

Calendário do Chapeleiro Maluco


Como assim, hoje é dia 22 e já há postagens com a data de 28?

Bem, estou saindo daqui a pouco rumo a terras alheias... como fora de meu reino as coisas acontecem à revelia de minha vontade - em outros ambientes eles não entendem que o meu umbigo é o centro do universo (e dentro do umbigo reinam absolutos meus gatos!) - não sei quando poderei postar novamente as idéias que pululam em minha mente...

Até mais ver... ;)

sexta-feira, 21 de dezembro de 2007

Tchiiaauuuu!!


Agora eu entendo como minha mãe ficava aflita quando nós éramos crianças e íamos passar a noite na casa de uma amiguinha, quando era alguns dias então... parecia que o mundo ia acabar... eu praticamente podia visualizar o chão embaixo dos pés dela cedendo, abrindo e a engolindo!!!

Pela primeira vez ficarei mais de uma semana longe dos meus bebês! Sim, BEBÊS!

Já deixei a Mitsy uma vez em hotelzinho de PetShop, mas definitivamente não deixo mais! É crueldade deixar a pequena, que tem sob seu domínio todos os recantos possíveis (e alguns que parecem bem impossíveis) do apartamento encerrada em uma jaulinha! Eu ia contratar um PetSitter (uma pessoa que vai na sua casa cuidar dos teus peludos) mas uma amiga gateira se ofereceu para ficar com minha dupla dinâmica... Que dó... quando cheguei lá os meus trancadinhos no transportador assustados, os moradores locais tri curiosos... ai, espero que não demore muitos FUZZZ até que todo mundo conviva pacificamente...

Podem me chamar de exagerada, dramática o que for, já está sendo muito estranho fazer faxina e não ter que brigar para que não fiquem marcas de patinhas por toda a casa! - Mas já recebi um relatório pelo MSN sobre como está sendo o comportamento dos pequenos! :)

quinta-feira, 20 de dezembro de 2007

Ousadia é necessária!


Hoje estreiou oficialmente uma nova loja em Porto Alegre. Loja estréia!?
O Ateliê Ousadia (na Luís Afonso 269) estreiou porque não é uma mera lojinha como tantas outras... as peças são exclusivas, e no mesmo espaço em que elas são comercializadas também são produzidas.
Que tipo de loja? Que peças? Hummm, decoração, bazar, vestuário e aluguel de figurinos. Se por acaso você tiver uma camiseta que ama de paixão, mas já estiver cansada de guerra, leva lá que a Rita customiza (reutiliza a estampa em uma outra camiseta feita sob medida) pra você.
Em um mesmo espaço é possível encontrar: calcinha do final do século XIX, abajur feito de garrafão de vinho e papel machê, perucas, porta-chaves feito com chinelo e flores, ferro daqueles que passavam quando se colocava brasas dentro, quadros, bijuterias, móveis...
Ficou curioso? Bem, e tem mais um diferencial: peças exclusivas, feitas principalmente de material reutilizado e com preços acessíveis!
Peça para conhecer a simpática e charmosa Jeannie!
Passando lá não esqueça de intervir com o espaço deixando umas palavras na máquina de escrever. A propósito: você teve aulas de mecanografia, datilografia ou digitação?

Velocidade...


"Nunca ande mais rápido do que o seu anjo da guarda possa voar." (Autor desconhecido)

quarta-feira, 19 de dezembro de 2007

Uma questão de ponto de vista






O lixo de uns é o luxo de outros.


One's trash is someone else's treasure.


A "mensageira da criatividade" foi chamada para recolher o "lixo" de uma casa... ouro puro! Consegui até uma fita VHS e uma K-7 para usar como fita de presente!
Mas, entre vários achados, a idéia mais interessante foi a mesa de apoio que teve longa vida: estruturas de isopor (daquelas que protegem eletrodomésticos grandes) empilhadas e mantidas juntas com fita adesiva, e para que esse peça ultra funcional ficasse charmosa e não lembrasse em nada "restos" foi coberta elegantemente com um retalho de material emborrachado antigo com uma estampa muito sutil.
Parabéns Cecília, amei a idéia! (Pena que não tirei uma foto!)

Bem, mas a Cecília tirou uma foto, não só tirou como enviou uma pra ser compartilhada! Conseguem ver o detalhe da estrutura de isopor que não foi coberta com o emborrachado?

segunda-feira, 17 de dezembro de 2007

Ousar é preciso


"Ouse, ouse... ouse tudo!! Não tenha necessidade de nada! Não tente adequar sua vida a modelos, nem queira você mesmo ser um modelo para ninguém. Acredite: a vida lhe dará poucos presentes. Se você quer uma vida, aprenda ... a roubá-la! Ouse, ouse tudo! Seja na vida o que você é, aconteça o que acontecer. Não defenda nenhum princípio, mas algo de bem mais maravilhoso: algo que está em nós e que queima como o fogo da vida!!" Lou-Salomé


domingo, 16 de dezembro de 2007

Aniversário de uma gateira



Esse foi o convite mais original e realista que recebi nos últimos anos:


Quando: .... a partir das 17 horas, afinal vamos voltando a ser criança mesmo, então nada mal comemorar igual


Onde: na casa dos meus gatos, onde moro de favor.....


Característica especial: venha preparado para não ter onde sentar, para acarinhar meus gatos que vão implorar por carinho e para ir para casa com muitos pêlos na roupa

sábado, 15 de dezembro de 2007

No ônibus...



Vocação
Era uma vez uma flautista
Que além de ratos atraía
Homens baratos
Depressivos chatos
Amigas feias
Tarados incompetentes
Dentistas sádicos
Chefes obtusos
E visitas inoportunas
Cansada do azar, vendeu a flauta, comprou uma Glock 9mm e ficou milionária matando tempo e casos perdidos.

Autoria: Ane Arduin
(Poemas no Ônibus - 15ª edição)

sexta-feira, 14 de dezembro de 2007

Saquinhos plásticos

A gente produz um monte de plástico todos dias, é quase inevitável...
Sacolas de supermercado são úteis como saco de lixo, pra dizer o mínimo.
Mas em um restaurante que fui dias atrás usavam saquinhos transparentes para os talheres polidos, achei uma boa idéia para evitar que eles pegassem poeira... e logo depois vão pro lixo... será que não dá pra fazer nada com eles? Os que estavam na minha mesa transformei em laçarotes, e daí?
Daí que usei esses laçarotes para enfeitar pacotes de presente e também como enfeite para pendente para a casa. Misturado com contas ficou bem bonitinho e claro que não ficou com cara de lixo! Gostei!

quinta-feira, 13 de dezembro de 2007

Acho que vi um passarinho...


Me disseram que ver um cardial era sinal de boa sorte (pelo menos em Illinois - USA).
Have a lucky day! :)

quarta-feira, 12 de dezembro de 2007

5 pila a menos na conta de luz


"Se nós pudéssemos ver a energia que estamos a consumir, a nossa postura perante o desperdício talvez fosse outra. Esta é a proposta do Interactive Institute. Uma extensão que, se estiver a ser percorrida por corrente eléctrica, brilha consoante a intensidade da mesma. Mais consumo, um brilho intenso, menos consumo, o cabo aproxima-se do normal."

Por meses (confesso!) meu PC só era desligado uma vez a cada 15 dias (or so). Bem, umas semanas atrás comecei a ler mais sobre atitudes "greener" (como prejudicar menos o planeta) e apesar de concordar plenamente com Reduzir, Reutilizar e Reciclar percebi que poderia reduzir ainda mais meu consumo de energia elétrica...

O simples fato de ligar o computador de manhã e desligá-lo a noite e manter a televisão desligada da tomada (todo aparelho que fica com luzes ligadas quando não estão sendo utilizados também consumem energia) já reduziu 5 pila (gauchismo!!!) na minha conta de luz... estou curiosa em saber quanto será a conta cobrada em fevereiro...

Que tal manter TV, DVD, aparelho de som, microondas e afins desligados da tomada? Vamos combinar que não é nenhum sacrifício mas já uma atitude simples que ajuda...

terça-feira, 11 de dezembro de 2007

Greener... Como poupar o planeta sem fazer sacrifícios



Sustainable Lifestyles

Cleaning
  • Use non-toxic, environmentally safe, biodegradable cleaning products, including laundry products, which you can find at any natural grocery and even many mainstream stores. Just read the labels carefully.
  • Don’t pollute your indoor air or mask odors that could alert you to a problem. Choose fragrance-free products.

Transportation

  • Buy a high-efficiency car if you can afford one. Check the U.S. Department of Energy’s list of most fuel-efficient cars to find the one that’s right for you.
  • Rather than driving your car to work every day, try other ways, even if only one or two days a week. You can walk, ride your bike, take the bus or the train or join a car. You’ll be cutting down on air pollution, greenhouse gas emissions, oil consumption and your the costs of fueling and maintaining your vehicle. And mixing up your commuting routine helps you avoid falling into the workday rut.

Personal practices

  • Buy locally produced items, including produce and other goods. It reduces the amount of fossil fuels required to transport the things you buy from other parts of the country or the world. It also reduces the amount of plastic and paper products consumed in the packaging of such far-traveling products. Buying local reduces the consumption of valuable natural resources
  • Instead of using grocery stores’ disposable plastic or paper bags, bring your own reusable tote bags, which are available for sale at many grocers and other retailers. The bags are sturdier than disposable bags, making the trip home easier, and they don’t waste resources or end up in landfills. If you must use disposable bags, ask your bagger to avoid double-bagging whenever possible.
  • Use nontoxic gardening techniques. Many gardeners over-apply or improperly apply pesticides, putting themselves, their families and pets at increased health risk. Nearly half of all households have pesticides stored within reach of children. About 230,000 people each year are treated in hospital emergency rooms for injuries related to various lawn and garden tools. Our clean air and drinking water are affected by pesticides and garden equipment emissions.
  • Urge your school district to construct new green schools and undertake green renovations of existing schools for your children.
  • Advocate for green building codes and regulations in your community.
  • Switch to socially responsible investing.

Energy

  • Unplug the “secret energy addicts” in your home: TVs, VCRs, DVD players, cable TV boxes, computers and printers, video game consoles, microwave ovens and AC adapters for cell phones, digital cameras and other electronics. Most electronic equipment, including anything that uses a remote control, is designed to consume energy when it is turned off. That “off” setting is actually a “standby” or “idling” mode. Standby power in the average household consumes 1,000 kilowatt hours of electricity annually. That’s enough energy to power an entire home for two months, or more. The solution? Unplug anything that isn’t being used.
  • More and more utility companies are offering their customers the option to purchase green power – electricity generated by rapidly renewable resources like solar power, wind turbines, geothermal systems and biomass – to power their homes. Generally, green power adds $2 to $3 a month to your utility bill while helping to combat global climate change and America’s dependence on foreign oil.
  • Use compact fluorescent lamps in your lights.
  • Wash your clothes in cool rather than hot water.

segunda-feira, 10 de dezembro de 2007

Miau's Day


Definitivamente hoje foi o dia dos meus gatos...

De manhã bolei um pote para ração de gatos: uma garrafa PET de 5 litros decorada (cabe até 3,5 kg de ração). O que faz a diferença é a decoração... marcas de patas feitas com fita isolante e um bolso (saquinho plástico) para colocar informações gerais sobre os filhotes (eu preferi adicionar humor e coloquei umas histórias em quadrinhos)... E que tal o charme da Mitsy posando como modelo do novo produto?

No final da tarde vieram trazer minha bombona de água e assim que o menino entrou no meu apartamento ele exclamou: "Ah... então tu é a moça dos gatos!". Eu não sei o que esses entregadores andaram comentando lá na distribuidora, mas eu só tenho um casalzinho... tem gente que têm suas casas tomadas por gatos... bem, o fato da Mitsy às vezes escalar as telas da janela e gostar de ficar em cima do roupeiro pode ter chamado a atenção deles... Vai saber...

Mas hoje mais do que nunca me identifico com o nome desse blog!

Uma MIAU semana pra vcs!

domingo, 9 de dezembro de 2007

Eu quero ser Camila Parker!!!!




O AMOR NOS TEMPOS DO SEXO Autoria: Heloneida Studart


l Não me interesso por reis, nem os do baralho. Mas como me interesso pelo amor e, principalmente, por histórias de amor, não pude evitar o envolvimento quando li que aconteceu o final feliz da saga amorosa do Príncipe Charles, herdeiro do trono da Inglaterra e dessa senhora de meia-idade, Camila Parker sua eterna namorada.
l Trinta e quatro anos de amor! Trinta e quatro anos de dificuldades de toda ordem, imposições da família real, intrometimentos da Igreja Anglicana, casamentos com pessoas diferentes, cerimônias espetaculares (o casamento com Lady Di foi um dos eventos de maior pompa que o Reino Unido já viu), e o amor dos dois lá, brilhando como a luz de um sol perpétuo.
l E nem se pode dizer que era um desses afetos eternizados elas afinidades intelectuais e psicológicas como foi, por exemplo, o de Jean Paul Sartre e Simone de Beauvoir.
l Nada disso. O romance do feio e desengonçado filho da Rainha Elizabeth com a feiosa Camila tinha fortes raízes eróticas, como mostrou o telefonema gravado de um diálogo entre os dois (“Eu queria ser um tampax”)
l Ele a amou toda a vida como Florentino Ariza amou Firmina Daza, em “Amor nos Tempos de Cólera”, de Gabriel Garcia Marques.
l Não valeu o tempo, não importaram as rugas e as pelancas. O mundo inteiro, convertido aos mitos de beleza da juventude, torceu para que ele amasse a formosa Diana.
l No entanto, o príncipe desengonçado só amou a sua bruxinha, com aquela cara amassada e cheia de marcas,
l com aquele corpo desgracioso.
l Camila Parker é uma vitória do amor sobre os estereótipos de nosso tempo.
l Juliana Paes com seu traseiro formoso, inspiraria amor igual?
l E Luma de Oliveira, com suas coxas célebres?
l Seguramente, não!
l Essa inglesa feia, de cinqüenta e sete anos, mostrou a todas as mulheres, as que não são jovens, que não são belas, que nunca aplicaram silicone ou botox – que uma mulher pode ser
l amada por ela mesma – e para sempre.
l A obsessão pelos corpos sarados,
l pelas formas perfeitas, pelo estilo
l feminino top-model, foi derrotada por esse obstinado romance.
l O romantismo ganhou, o sentimento prevaleceu e as mulheres tidas como feias também podem sonhar com seu príncipe. Seja ele príncipe de verdade, ou de fantasia.
l Pertença à Casa de Windsor ou à casa nenhuma, com sobrenome Pereira ou Silva.
l Camila Parker, quando subiu ao altar,
l em cerimônia discreta, deve ter se sentido a mais linda das noivas. E certamente, à noite, quando mais uma vez se despir diante dele, o príncipe vai enxergar, não o corpo flácido de uma senhora, mas o corpo esbelto, juvenil, perfeito que possuem todas as mulheres, de qualquer idade, quando são amadas.

sábado, 8 de dezembro de 2007

Sábado é dia de feira












Sábado no meu calendário é dia de feira... mas feira não é só comprar produtos alimentícios, que tal alimentar a alma? É o momento perfeito para conversar com pessoas com quem não encontro todos os dias e ver coisas escondidas no meu cotidiano atribulado... "o diabo mora nos detalhes" - alguém sabe de quem é essa frase?

Você gosta de amoras, morangos, framboesas e jabuticabas? Já reparou que essas frutinhas geralmente vem em bandejinhas de isopor? Hmmm que tal cortar o fundo delas e usar para organizar brincos?
Na feira ecológica encontrei duas bancas que vendem essas frutinhas em bandejinhas feitas de papelão reutilizado! Claro que de agora por diante esse tipo de fruta só compro deles:
Granja Santantonio - 51 32581050 - não sei o número da banca deles na José Bonifácio... mas ligue para eles. Eles também expõem em outros lugares da cidade.

Quer limpar a casa com produtos menos agressivos mas não sabe onde encontrá-los? Grupo Portal da Mãe Terra (sempre na José Bonifácio nos sábados - amo o amaciante e o desinfetante deles! Mas ainda quero experimentar os perfumes para ambientes...) Gilberto/Sandra 51 3245 2871 / 9997 1779 portaldamaeterra@yahoo.com.br

No meu aniversário tinha pensado em ir para o Itaimbézinho... usar lã em fevereiro... mas trocando idéias com os feirantes passei a cogitar a possibilidade de fazer outro passeio "Caminhos Rurais de Porto Alegre", sim há turismo rural na metrópole gaúcha!
www.caminhosrurais.tur.br

* Créditos: a caixinha de Betty Boop e os brincos prateados grandes foram arte
da minha irmã Letícia.
Não é um baita presente???

sexta-feira, 7 de dezembro de 2007


Dream, Believe, Achive
Sonhe, Acredite, Alcance


Dare to dream Ouse sonhar

Whether big or small Seja grande ou pequeno

Believe in yourself Acredite em si mesmo

And you can achieve all E você poderá alcançar tudo


Desnecessário acrescentar qualquer coisa....
Needless to say anything else...



quinta-feira, 6 de dezembro de 2007

Mulheres com curvas femininas








Essa semana, quando fui na feira comprar pão de aipim a dona da banca disse que já tinha acabado, mas o bom é que o pão de soja com semente de girassol era light... Bom para quem?

Para manter um corpo voluptuoso, curvilíneo, de uma mulher feminina é necessário ingerir calorias! Lembra daquela frase, mais do que batida: saco vazio não para em pé!?
O padrão fashion de mulheres esquálidas, praticamente tábuas de passar, é artificial. Essas mulheres que aparecem em revistas não passam de "bonecas de papel".

Quando você pensa em glamour lembra de Marilyn Monroe e Gilda ou Kate Moss?

Que tal a Cristina Aguilera no video clip da música Candyman?

E viva as pin-ups! ;)

quarta-feira, 5 de dezembro de 2007

Cesta de roupa suja





Uma amiga se mudou faz poucos dias. Mudança é sinônimo de bagunça e muitos gastos... são tantas coisinhas que precisamos para equipar uma casa...
Bem, qual é o material que mais sobra de uma mudança? Caixas de papelão, certo?
A minha sugestão é com um pouco de imaginação (e tempo, é claro!) revestir com uma caixa dessas com colagens para guardar a roupa suja...
Não esqueçam que papelão é um material multiuso e as possibilidades são infinitas: prateleiras, móveis (usem o mesmo princípio de compensado), cestos (se quizer usar pra lixo basta revestir com plástico), divisor de espaço para gavetas, embalagem de presente....

segunda-feira, 3 de dezembro de 2007

Loucas por sapatos


Eles são irresistíveis. Têm curvas sensuais, formatos surpreendentes, cores provocantes, materiais inusitados. Melhor ainda: num mundo em que manequim acima de 40 parece uma anomalia, caem bem até em quem está acima do peso. Para muitas mulheres, comprar um par de sapatos é prazer capaz de aliviar demissão, dor-de-cotovelo, traição, coração partido e até algum desastre na cadeira do cabeleireiro. As egípcias, 3 000 anos antes de Cristo, já ornamentavam os pés com jóias. No Império Romano, as sandálias das imperatrizes exibiam (como hoje, aliás) tiras incrustadas com pedras preciosas. Um sapatinho de cristal (tremendamente incômodo, com certeza, mas quem é que vai se importar com isso numa hora dessas?) uniu Cinderela a seu príncipe encantado e desde então muitas mulheres viveram infelizes para sempre por não ter um igual. "Um belo par de sapatos faz a mulher se sentir tão poderosa que pode mudar totalmente a maneira como ela se porta", garante Tamara Mellon, presidente da empresa que fabrica os cobiçadíssimos Jimmy Choo.

Em termos bem objetivos, o sapateiro chique Fernando Pires, conhecido pelos modelos escancaradamente fetichistas, resume: "Eu procuro fazer produtos que seduzam as mulheres. Elas, por sua vez, vão seduzir seus namorados e maridos e causar inveja nas amigas".

http://veja.abril.com.br/especiais/estilo_2005/p_058.html

Curiosidades

* Tênis
, em suas origens, eram calçados exclusivos dos ricos que praticavam esportes. O primeiro modelo para o mercado de massa nasceu em 1917: o americano Keds.

*
Em Nova York, Imelda Marcos afirma ter visto uma sapataria com um cartaz dizendo "Há uma pequena Imelda dentro de cada uma de nós".

* O sapato da "Bela da Tarde", de Roger Vivier, foi recriado por Bruno Frisoni em 2004. O remake é decorado com pastilhas coloridas e se chama Madame Psy, numa referênica irônica aos antidepressivos.

* Marlene Dietrich nunca usava sapato claro com meia escura e vice-versa. Assim, suas famosas pernas ficavam ainda mais alongadas. A nossa Gloria falou sobre isso em um dos últimos editoriais.

* O sapato bicolor clássico Chanel foi criado porque a estilista considerava seus pés muito grandes. O truque dá certo mesmo: a ponta mais escura e o "corpo" mais claro parecem diminuir o calçado.

http://chic.ig.com.br/site/secao.php?materia_id=2629&secao_id=2

O sapato em um brechó




Hoje foi o dia do Bento (o gato branco e preto que esteve hospedado conosco por dois meses) ir para se lar definitivo (confesso que foi difícil saber que aquele bichano assustado não me acordaria mais à noite pedindo carinho na pança).

Na volta para casa resolvi vir a pé para explorar ruas pelas quais quase não passo no Bomfim. Eis que minhas pernas me levaram pela frente de um brechó bem legal ali na Osvaldo.... eu saí de casa com pouquíssimo dinheiro (na verdade era para ter comprado vermífugo para meus peludos) sem a menor intenção de consumir, fosse sequer uma garrafinha de água .... mas na vitrine se mostrando desavergonhadamente, gritando: "olhe como sou lindo!", estava um sapato que eu havia namorado em revista (guardei a foto com a Christina Ricci por muito tempo), depois, quando saiu uma réplica nacional, meu bolso não estava pronto....

Mas agora, ali, na vitrine, louco para ser possuído e DO MEU TAMANHO meu objeto de desejo... Imelda Marcos gritou mais alto dentro de mim!

Confesso que essa foi a primeira vez que realmente cogitei comprar um calçado usado - vai que a pessoa que o usou antes tivesse algum tipo de micose? - o cetim está intacto, o solado parece ter tocado o chão no máximo duas vezes... ahhh, nada como uma boa limpeza interna com álcool e bicarbonato de sódio!

Querem o caminho das pedras? (Lá o forte são vestidos de festa.)
Spazio Brechó
Av. Osvaldo Aranha, 870
51 3013 3302

Ahhh e para quem sempre sonhou em ter um calçado exclusivo tem um sapateiro maravilhoso (com preços justos e ótimo acabamento) aqui na Cidade Baixa (além de fazer calçados ele também conserta, ou o contrário...):
Sapataria Rápida Líder (Sr. Genoíno)
Rua Lopo Gonçalves,114
51 9882 8856

Vamos investir em bolsa?


A gente vai acumulando, acumulando... tão bom quando conseguimos exercitar nosso desapego!
E aí!? Alguém gostaria de fazer com que esses objetos voltassem a circular por aí?
Vamos meninas, não sejam tímidas, entre 5 e 10 pila.

Gurias, agora só restam a bolsa tipo carteiro de tecido Chinês rosa e a sacola (é ótima pra feira) com as araras.

domingo, 2 de dezembro de 2007

Mãe, seja bem-vinda!




Faz um tempo que passei por uma ferragem, eles estavam vendendo capachos feitos de fibra de coco e me apaixonei pela idéia de tapetinhos ecológicos. O problema é que capachos de fibra são muito sem graça... Nada como uns fuxicos para dar nova vida a um objeto ordinário.

sábado, 1 de dezembro de 2007

Comer, comer...


Dias atrás aproveitei os prazeres da cama, mesa e banho todos de uma vez só.
Amo comer!
Que tal experimentar alguns prazeres gastronômicos em Porto Alegre?

Al Nur (Árabe)
Avenida Protásio Alves, 616, Rio Branco
3330-8609
Aberto em 1999.

Sakae's (Japonês)
Rua Castro Alves, 690, Rio Branco
3222-5533,
Aberto em 1974.

Tudo Pelo Social
(Arroz, feijão, bife, batata frita, salada e Polar. - Porções gigantescas!)

Rua João Alfredo, 448 Cidade Baixa
3226-4405
Aberto em 1991

Sabor em Fatias
(Pizzaria. O pedido é feito por fatias - bem generosas -
massa fininha e crocante e cobertura abundante.)

Sarmento Leite,929, Cidade Baixa
32210090
Aberto em Outubro de 2007

3X4
(Bar - Polar R$ 3 pila)

João Alfredo, 500, Cidade Baixa
Reinaugurado em Novembro de 2007